Buscar

Sebrae orienta produtores rurais como proceder em tempo de pandemia

sexta-feira, maio 01, 2020

O Sebrae trabalha com os produtores rurais na orientação de suas atividades no período de pandemia. Uma de suas atividades é a parceria com a Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS), presidida pelo presidente Flávio Anthony, que com sua política de compra de alimentos da agricultura familiar e das empresas do agro de micro e pequeno porte, tem conseguido reverter parte do problema da falta de alimentação de milhares de famílias em Manaus, com vulnerabilidade social e instituições filantrópicas tradicionais com comprovada atuação.
“Nós agimos de forma integrada com a ADS, em prol dos produtores rurais, que, neste momento, estão abastecendo a sociedade com suas produções vindas de todas as calhas dos rios do Amazonas. Orientamos eles sobre a gestão de seus negócios, vendas eletrônicas, delivery, marketing digital, crédito na Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) e nos bancos; através dos fundos de garantias do Banco do Brasil e do Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas (Fampe) do Sebrae. De como eles devem proceder para fortalecer seus capitais de giro, folha de pagamento, investimentos essenciais em infraestrutura de gastos como água, luz, aluguel e investimentos em mídias sociais; em tempos de quarentena, onde as vendas estão sendo feitas por meio eletrônico, sem contato físico, para evitar a contaminação do Coronavirus”, destacou a diretora técnica do Sebrae, Adrianne Gonçalves.
A ADS tem distribuído alimentos nas famílias de baixa renda, que tem filhos nas escolas, que, neste momento, estão fechadas em função da quarentena decretada por decretos de calamidade pública nas esferas municipal e estadual. A produção do interior tem sido comprada diretamente dos produtores, dado que 21 feiras livres de grande e médio porte foram fechadas, para evitar aglomerações e a disseminação do contágio do Covid-19.
A parceria institucional entre as duas casas existe há anos, mas, no momento, com a pandemia, se estreitou ainda mais, em função da gravidade do cenário, em que a receita dos produtores rurais caiu em até 60%. Para evitar que as famílias da agricultura familiar e as empresas de micro e pequeno porte rural quebrem, o Sebrae montou a estratégia de atendimento online.
Desde o dia 23 de março, quando a instituição deixou de atender presencialmente em sua sede na avenida Leonardo Malcher e nas seis unidades do interior (Itacoatiara, Manacapuru, Coari, Tefé, Tabatinga e Parintins) foram atendidos de forma online 21 mil micros e pequenos e empresários; dentre eles centenas de produtores rurais da piscicultura, produção de frutas, hortaliças, agricultura orgânica, pecuária, laticínios, comunidades organizadas em cooperativas e associações de manejo sustentável de pirarucu, produtores de farinha, castanhas, óleos vegetais, dentre outros do setor primário.
(Foto: Divulgação)
Interiorização
A interiorização e o fortalecimento do agronegócio, são diretrizes centrais da nova gestão do Sebrae, que tem Lamisse Said Cavalcanti como superintendente, Adrianne Gonçalves na posição de diretora Técnica e Ananda Carvalho como diretora administrativa e financeira. Na presidência do Conselho Deliberativo Estadual (CDE), Muni Lourenço, que também é vice presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado Amazonas (Faea); mais um motivo para a ampliação da atuação junto aos produtores rurais, um nicho de mais de 300 mil produtores no Amazonas.
Capacitação
O Sebrae trabalha na capacitação de cada produtor usando tudo o que tem de melhor e de acordo com o perfil e necessidade de cada um. Pode ser na área de gestão, aptidão para a venda ao poder público, dinâmica de venda direta (envolvendo precificação ou acessível a alguma solução de produção rural). Anteriormente à pandemia o Sebrae havia planejado várias atividades coletivas de grande porte, com feiras regionais do agronegócio. Mas com a impossibilidade de aglomeração do público, por questões de segurança à saúde, foram preparados módulos online “, salientou Adrianne Gonçalves.

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Abastecimento (10) Abiove (2) Acordo Internacional (8) Acrocomia aculeata (32) Agricultura (13) Agroenergia (21) Agroindústria (8) Agronegócio (34) Agropecuária (15) Alimentos (242) Amazônia (5) animal nutition (1) ANP (22) Arte (1) Artigo (6) Aspectos Gerais (177) Aviação (28) Aviation market (14) B12 (1) B13 (2) Bebidas (1) Biochemistry (5) Biocombustíveis (279) Biodiesel (175) Bioeconomia (26) Bioeletricidade (9) Bioenergia (61) Biofertilizantes (3) Biofuels (97) Biomass (7) Biomassa (68) Biomateriais (2) Biopolímeros (7) Bioproducts (1) Bioprodutos (4) Bioquerosene (25) Biotechnology (31) Biotecnologia (22) Bolsa de Valores (11) Brasil (6) Brazil (28) Cadeia Produtiva (3) Capacitação (1) Carvão Ativado (5) CBios (20) CCEE (1) Celulose (1) Cerrado (5) Ciência e Tecnologia (233) Clima e ambiente (199) climate changed (40) CNA (1) Cogeração de energia (20) Combustíveis (50) Combustíveis Fósseis (14) Comércio (2) Consciência Ecológica (9) COP24 (76) COP25 (20) COP26 (3) Copolímeros (2) Cosméticos (22) Crédito de Carbono (37) Crédito Rural (1) Créditos de Descarbonização (11) Cultivo (97) Curso (1) Davos (2) Desenvolvimento Sustentável (33) Diesel (7) Diesel Verde (3) eco-friendly (4) Economia (50) Economia Circular (1) Economia Internacional (105) Economia Verde (166) Economy (30) Ecosystem (5) Efeito estufa (12) Eficiência energética (29) Empreendedorismo (2) Empresas (4) Energia (52) Energia Renovável (202) Energia Solar Fotovoltaica (5) Etanol (33) Europa (1) event (9) Eventos (92) Exportações (39) Extrativismo (30) FAO (1) Farelos (33) farm (1) Fibras (8) Finanças (3) Floresta plantada (85) Fomento (1) Food (42) food security (7) forest (1) Fuels (22) Gás (1) Gasolina (1) Gastronomia (1) GEE (1) Glicerina (1) Global warming (87) Green Economy (123) health (22) IBP (1) Incentivos (1) Industry 4.0 (1) Inovação (35) IPCC (14) L72 (4) L73 (2) Legislação (5) Lignina (2) livestock (4) Low-Carbon (45) Lubrificantes e Óleos (20) Macaúba (540) Madeira (4) Mamona (1) Manejo e Conservação (53) MAPA (3) Meio Ambiente (117) Melhoramento e Diversidade Genética (61) Mercado (3945) Mercado de Combustíveis (37) Mercado Financeiro (7) Mercado florestal (61) Mercado Internacional (23) Metas (1) Milho (4) MME (11) Mudanças Climáticas (4) Mundo (3) Nações Unidas (1) Nutrição animal (17) nutrition (9) Oil (49) Oleaginosas (45) Oleochemicals (6) Óleos (231) Óleos Essenciais (1) ONU (5) other (1) Palma (7) Paris Agreement (80) Pecuária (71) Pegada de Carbono (69) Personal Care (2) Pesquisa (11) Petrobras (3) Petróleo (18) PIB (1) pirólise (2) Plant Based (14) Política (70) Preços (8) Preservação Ambiental (5) Produção Animal (2) Produção Sustentável (20) Produtividade (6) Produtos (150) Proteção Ambiental (1) proteína vegetal (28) Recuperação de área Degradada (35) Recuperação Econômica (1) Relatório (1) renewable energy (16) RenovaBio (25) Research and Development (9) Resíduos (2) SAF (2) Saúde e Bem-Estar (88) science and technology (45) Sebo (1) Segurança Alimentar (71) Segurança Energética (6) Selo Social (1) Sistema Agroflorestal (10) Sistemas Integrados (2) Soil (8) Soja (23) Solos (11) Sustainability (45) Sustainable Energy (64) Sustentabilidade (412) Tecnologia (1) Transportes (3) Turismo Sustentável (2) Vídeo (215) World Economy (74)

Total de visualizações de página