Buscar

Cientistas desenvolvem creme regenerativo a base de plantas

terça-feira, maio 29, 2018

O creme, batizado de UMANE, foi desenvolvido a partir de extratos das duas plantas.


Resultado de imagem para jarillaPesquisadores do Conselho Nacional de Pesquisas e Científicas e técnicas da Argentina (CONICET) desenvolveram uma tecnologia capaz de regenerar a pele através das plantas de jarilla e café. O produto criado é inédito e não possui contraindicações. 
O creme, batizado de UMANE, foi desenvolvido a partir de extratos das duas plantas. A Dra. Claudia Anesini, pesquisadora independente do Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas (CONICET) e especialista em estudos sobre as propriedades das plantas nativas da Argentina, explica que as características únicas da jarilla e do café como a capacidade de regeneração e de modelamento das células chamaram a atenção dos cientístas, o que fez com que esse produto fosse sendo desenvolvido há anos junto com o estudo das propriedades individuais das plantas
"Essas plantas têm particularidades que estudamos há muito tempo, fundamentalmente antioxidantes, anti-inflamatórias, antimicrobianas e imunomoduladoras. Ou seja, eles são capazes de modular a proliferação de células, seja do sistema imunológico (leucócitos) e células que estão na pele (fibroblastos)", comenta. 
A jarilla é uma flor do gênero Larrea que cresce em forma de arbusto, sendo muito comum na América do Sul e utilizada na medicina popular para tratar sintomas de febre e reumatismo. De acordo com os cientistas o produto é totalmente seguro e pode ser utilizado por mulheres grávidas e também por pessoas com doenças específicas como psoríase, rosácea e diabetes, sem nenhum efeito colateral. 
O creme é produzido exclusivamente pelo laboratório Garré Guevara, contudo, ainda não foram divulgados dados sobre as vendas no mercado. 
Fonte: AgroLink

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Total de visualizações de página