Buscar

Emissões de gases do efeito estufa crescem cerca de 16% nos últimos 10 anos

terça-feira, outubro 15, 2019

emissões de gases do efeito estufa

Parece que o mundo passou os últimos dez anos fazendo o contrário, do que deveria. Mesmo com tantos alertas sobre as mudanças climáticas e seus perigos, as emissões de gases do efeito estufa cresceram em média 1,6% ao ano, entre 2008 e 2017.

O Relatório de Emissões divulgado recentemente pela ONU, aponta exatamente o que suas primeiras edições previam, que a emissão de gases poluentes pelos humanos seria cada vez mais insustentável.

Com o atual comportamento, o mundo caminha para um aquecimento de 3,5 °C neste século. Um valor significativamente maior, do que o estipulado pelo Acordo de Paris, onde a temperatura global deveria ser de 1,5 °C, ou no máximo 2 °C.

De acordo com especialista, se a temperatura global subir a estes níveis, teremos grandes problemas. Como o aumento do nível do mar, desastres ambientais catastróficos e grandes perdas para a humanidade e natureza.

“A última década não trouxe a queda nas emissões de gases de efeito estufa que queríamos, isso é verdade. Mas, de várias maneiras, estamos em um lugar melhor do que há dez anos”, afirma diretora-executiva do PNUMA, Inger Andersen.

Existem diversas formas de ajudarmos na redução da emissão de gases de efeito estufa e, consequentemente, no aumento da temperatura global. Entre elas a redução de carne na alimentação, o uso consciente de transportes e de recursos naturais.
Cortes anuais de emissão de gases do efeito estufa

Em novembro, a ONU Meio Ambiente publicará a décima edição do Emission Gap Report. Ele detalhará o tamanho dos cortes anuais de emissões necessários para permanecer no caminho certo para cumprir as metas do Acordo de Paris. Isso informará os negociadores dos países que se reunirão para a próxima rodada de negociações climáticas sob a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (CQNUMC).

Fonte: Horizonte

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (20) Alimentos (227) animal nutition (1) Aspectos Gerais (177) Aviação (27) Aviation market (13) Biocombustíveis (177) Biodiesel (76) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (88) Biomass (7) Biomassa (54) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (3) Ciência e Tecnologia (182) Clima e ambiente (190) climate changed (28) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (16) Cosméticos (20) Crédito de Carbono (30) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (62) Economia Verde (159) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (7) Energia (28) Energia Renovável (158) event (6) Eventos (79) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (64) Food (41) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (79) Green Economy (123) health (22) Industry 4.0 (1) IPCC (14) livestock (4) Low-Carbon (40) Lubrificantes e Óleos (20) Macaúba (515) Manejo e Conservação (44) Meio Ambiente (90) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3846) Mercado florestal (46) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (44) Oleochemicals (1) Óleos (213) other (1) Paris Agreement (64) Pecuária (62) Pegada de Carbono (42) pirólise (1) Plant Based (7) Política (55) Produtos (149) proteína vegetal (25) Recuperação de área Degradada (25) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (80) science and technology (26) Segurança Alimentar (37) Soil (7) Solos (8) Sustainability (39) Sustainable Energy (53) Sustentabilidade (305) Vídeo (193) World Economy (68)

Total de visualizações de página