Buscar

Grão-de-bico é alternativa para safrinha e integração lavoura-pecuária-floresta

segunda-feira, agosto 01, 2022


Cultura ainda incipiente no Brasil, o grão-de-bico, leguminosa rica em proteína, pode ser uma alternativa de uso em sistemas de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF), inclusive por agricultores familiares e médios produtores rurais.

É o que mostrou o dia de campo realizado pela Embrapa e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) na Embrapa Hortaliças (DF) no dia 15 de julho, com participação de 180 pessoas, entre produtores rurais, técnicos, professores e estudantes.

No local do evento, uma área de 13,5 hectares que estava sem culturas, a Embrapa Cerrados (DF) e a Embrapa Hortaliças implantaram um sistema de ILPF com grão-de-bico. “Estamos apresentando uma alternativa de diversificação, principalmente para o período de safrinha”, afirma Warley Nascimento, chefe geral da Embrapa Hortaliças.

Práticas sustentáveis

O pesquisador Carlos Pacheco, da Embrapa Hortaliças, abordou, na primeira estação técnica, o Sistema Plantio Direto (SPD), que promove sequestro de carbono e aumento da resiliência dos cultivos, com melhoria da estrutura do solo e menor perda de água e nutrientes. Ele informou que foram iniciadas avaliações com o grão-de-bico na área com ILPF e em outra área com SPD.

“A ideia é trazer essa cultura, que está sendo inserida no país, já para o contexto de baixa emissão de carbono, tornando nossa agricultura mais competitiva e mais sustentável”, disse, lembrando que o SPD em hortaliças foi incluído em políticas de agricultura de baixa emissão de carbono.

Pacheco também apresentou o trabalho de elaboração da parte técnica do Zoneamento Agrícola de Risco Climático (Zarc) para o grão-de-bico realizado pela Embrapa.

O Zarc identifica, por decêndios (períodos de dez dias), as melhores épocas e plantio e os períodos de risco mais elevado para o plantio, informações que balizam a concessão de crédito e do seguro agrícolas.

“É uma poderosa ferramenta de gestão de risco. Queremos reduzir ao máximo os riscos de perda da cultura por fatores ambientais. A ideia é orientar tanto o produtor como o órgão financiador como o que vai fornecer o seguro sobre os riscos relevantes da atividade, como deficiência hídrica, a ocorrência de temperaturas muito baixas, chuva excessiva na colheita e durante o desenvolvimento da lavoura, granizo e vendaval, e doenças que podem ter alguma correlação com o clima”, explicou, citando, ainda, as variáveis climáticas, os tipos de solo e os fatores relativos à cultura consideradas na construção do ZARC. A primeira versão do ZARC para o grão-de-bico está disponível na página do Mapa, bem como no aplicativo ZARC Plantio Certo.

Vantagens dos sistemas de integração

Na segunda estação técnica, o pesquisador Luiz Adriano Maia Cordeiro e o analista Luiz Carlos Balbino, ambos da Embrapa Cerrados, apresentaram o conceito, as modalidades e os benefícios dos sistemas de ILPF.

A integração lavoura-pecuária-floresta é uma estratégia de produção sustentável, que integra atividades agrícolas, pecuárias e/ou florestais realizadas numa mesma área em cultivo consorciado, em sucessão ou rotação de culturas, constituindo-se num único sistema.

São quatro modalidades possíveis de integração: lavoura-pecuária (ILP ou sistema agropastoril), pecuária-floresta (IPF ou sistema silvipastoril), lavoura-floresta (ILF ou sistema silviagrícola e SAFs) e lavoura-pecuária-floresta (ILPF ou sistema agrossilvipastoril).

A área onde foi realizado o dia de campo se encontra, no momento, na etapa silviagrícola, com a lavoura de grão-de-bico e as árvores de eucalipto.

Cordeiro explicou que as quatro modalidades se subdividem em inúmeros sistemas. “Há diversas espécies vegetais e animais e uma possibilidade imensa de diferentes arranjos e combinações com diferentes componentes, nas distintas regiões. “São várias possibilidades de sistema”, disse.

Entre os diversos benefícios dos sistemas de ILPF, o analista destacou a maior diversificação e intensificação do uso da área, com maior sustentabilidade; a otimização do uso do solo, com produção de grãos, carne, leite e madeira ou produtos não madeireiros como frutas; é economicamente viável e o corte da madeira proporciona renda extra; amortização dos custos de produção, com a lavoura e as árvores ajudando a custear a pecuária e a recuperação da pastagem; pasto de melhor qualidade e redução dos custos de suplementação alimentar dos animais na seca; as árvores (plantadas no sentido Leste-Oeste em áreas planas para reduzir o sombreamento ou seguindo as curvas de nível em locais com declividade) funcionam como quebra-ventos, diminuindo o ressecamento dos pastos e melhorando a dinâmica hídrica.

Além disso, há maior taxa de infiltração e armazenamento de água no solo; diminuição da pressão de desmatamento; mitigação da emissão de gases de efeito estufa com incremento do carbono do solo e sequestro de carbono pela biomassa; bem-estar animal e conforto térmico pela sombra das árvores; redução da erosão do solo devido à melhor cobertura vegetal; mitigação do déficit de forragem durante os estresses climáticos; maior ciclagem de nutrientes; efeito positivo na reprodução e produção animal, com aumento de ganho de peso e na produção de leite; e, aumento da liquidez e rentabilidade do produtor rural.

Para mais informações sobre os sistemas de ILPF, baixe gratuitamente o livro Integração lavoura-pecuária-floresta: o produtor pergunta, a Embrapa responde, da Coleção 500 Perguntas 500 Respostas.

Grão-de-bico é opção para a safrinha

O chefe geral da Embrapa Hortaliças, Warley Nascimento, falou sobre o potencial da cultura do grão-de-bico no Brasil na terceira estação técnica.

Ele comentou que a leguminosa é um produto versátil e tem sido bastante procurada, sendo comercializada geralmente na forma de grãos secos ou reidratado e, mais recentemente, em produtos plant based.

Entre os principais consumidores estão os veganos e os vegetarianos. “Em alguns locais na região de Brasília, uma embalagem de 500 g é comercializada a R$ 19. Então, estamos falando em R$ 38 o quilo”, afirmou.

Além do alto teor protéico, com destaque para o aminoácido triptofano, precursor da serotonina, neurotransmissor relacionado ao humor e bem-estar, o grão-de-bico é rico em fibras, antioxidantes e vitaminas.

Depois da soja, é a leguminosa mais consumida no mundo. O Brasil importou, em 2021, quase 12 mil toneladas (cerca de US$ 10 milhões), segundo o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

O país consome o grão-de-bico do tipo kabuli (grãos maiores, de coloração creme), enquanto os mercados africano e asiático preferem o tipo desi (grãos menores e diferentes colorações), alvo de pesquisas do programa de melhoramento genético da Embrapa visando à exportação desse grão.

O grão-de-bico é uma opção para a safrinha (segunda safra) em sistema de sequeiro no Brasil central, devendo ser plantado de fevereiro a março.

Apresenta menor custo de produção por demandar menos aplicações de defensivos, e tem produtividade de cerca de 2 t/ha – em sistema irrigado, é possível alcançar até 3 t/ha. A cultura exige temperaturas amenas e clima mais seco, sendo bastante tolerante ao déficit hídrico.

“É uma cultura sustentável, tendo se adaptado bem no Brasil. Por ser uma cultura nova, com baixo potencial de inóculo e sementes de alta qualidade, as doenças que vemos na literatura científica e em outros países não ocorrem aqui”, disse Nascimento, acrescentando que ocorrem doenças de solo, que podem ser prevenidas com o tratamento das sementes, e pragas como Heliothis spp. e Helicoverpa spp.

Ele também apresentou informações sobre o plantio do grão-de-bico na área de ILPF, a condução da lavoura (controle de pragas e de plantas daninhas, cobertura nitrogenada e colheita) e produtividade.

A partir de ensaios realizados no Icarda, centro internacional de pesquisa agrícola em áreas secas, atualmente sediado no Líbano, a Embrapa Hortaliças disponibilizou algumas cultivares de grão-de-bico, como BRS Aleppo, BRS Toro e BRS Cristalino, de dupla aptidão (grãos podem ser consumidos secos ou reidratados), apresentado no dia de campo e, mais recentemente, a BRS Kalifa. Mais informações sobre a cultura estão no livro Hortaliças Leguminosas, que pode ser baixado gratuitamente.

Fonte: Canal Rural

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Abastecimento (27) ABC Plan (1) abiotic stresses (3) Abiove (10) ácaros (1) acerola (2) acordo (1) Acordo Internacional (43) Acrocomia aculeata (78) açucar (1) Adubação (4) adubação orgânica (1) adubos (2) Adubos organominerais (1) Africa (5) agribusiness (74) Agricultura (498) Agricultura 4.0 (23) agricultura digital (3) agricultura familiar (7) agricultura orgânica (6) agricultura sustentável (2) agricultural (4) agriculture (93) agriculture 4.0 (4) agrochemistry (1) Agroenergia (200) agroenergy (18) Agrofloresta (3) Agroindústria (68) agroindustry (9) agrometeorologia (1) Agronegócio (396) Agropecuária (85) agrotóxicos (2) Água (26) Àgua (1) air pollution (1) algodão (2) Alimentação Saudável (27) Alimentos (392) amazon (3) amazon monitoring (4) Amazônia (106) Ambiente (1) Ambition 2030 (1) amêndoas (1) amendoim (2) ANDA (1) animal breeding (2) animal health (2) animal nutition (1) animal production (7) ANP (117) antioxidants (1) anvisa (3) aplicação de insumos (1) APPs (4) Aprobio (1) aquaculture (3) aquecimento global (6) aquecimento golbal. (1) argentina (8) armazenamento (2) arroz (1) Arte (1) artificial intelligence (2) Artigo (47) Aspectos Gerais (177) Aviação (42) avian influenza (2) Aviation fuel (19) Aviation market (24) avicultura (1) Azeite (2) B10 (5) B12 (6) B13 (2) b14 (2) b15 (2) b40 (1) bacteria (2) banco de germoplasma (1) bancos (1) banks (2) barley (1) based protein (1) Bebidas (3) beef (1) bees (2) Benefícios ambientais (1) Bioativo (3) Biochemistry (5) Biocombustíveis (575) Biodefensivos (13) Biodiesel (402) Biodiesel Empresas (1) Biodiversidade (26) biodiversity (19) Bioeconomia (128) Bioeconomia Agronegócio (1) bioeconomy (1) Bioeletricidade (27) Bioenergia (219) bioenergy (4) bioetanol (1) bioethanol (3) Biofertilizantes (17) biofertilizers (3) Biofuels (155) biofuels market (13) biogas (3) Bioinsumos (28) Biologia do Solo (1) biological nitrogen fixation (1) Biomas (20) Biomass (7) Biomassa (95) Biomateriais (6) biomes (4) biometano (4) biopesticides (4) Bioplastic (1) bioplásticos (3) bioplastics (1) Biopolímeros (16) Bioproducts (3) Bioprodutos (29) Bioquerosene (52) biorefinery (1) Biorrefinaria (4) Biorrenováveis (1) Biotechnology (40) Biotecnologia (90) BNDES (5) bolivia (1) Bolsa de Valores (41) boron (1) bovinocultura (1) Brahman (1) bran (1) Brasil (154) Brazil (64) breeding (2) Caatinga (1) Cacau (8) Cadeia Produtiva (24) café (5) calcium (1) Cambodia (1) cana-de-açucar (11) cana-de-açúcar (3) canada (3) Canadá (1) cannabis (1) canola (1) Capacitação (31) CAR (5) carbon credit (7) carbon dioxide (1) carbon emissions (20) carbon market (5) carbon sequestration (4) Carbonatação (1) Carbono (14) carbono negativo (1) Carbono Neutro (13) Carbono Zero (26) carne orgânica (1) carnes (4) Carvão Ativado (10) carvão vegetal (8) cattle (1) CBios (80) CCEE (1) cellulose (1) Celulose (19) central america (1) cereais de inverno (2) cereals (13) Cerrado (37) Certificação (1) certification (1) Chile (3) china (18) Chuvas (17) Cidades (1) Ciência e Tecnologia (481) circular economy (3) cítricos (1) citros (4) Classificação (1) Clima e ambiente (336) Clima e ambiente Preços (2) climate and environment (34) climate change (56) climate changed (68) CNA (2) CNPE (3) coal (1) Código Florestal (6) Cogeração de energia (30) colheita (4) Colombia (2) Combustíveis (118) Combustíveis Fósseis (42) Combustíveis verde (6) comercialização (1) Comércio (49) commodity (8) comodities (1) complexo soja (5) Consciência Ecológica (28) conservação (1) conservação de alimentos (2) conservation units (2) controlled fires (1) COP24 (76) COP25 (20) COP26 (27) cop27 (2) Copolímeros (2) coqueiro (1) corn (26) Cosméticos (40) cotton (5) covid-19 (1) Crédito de Carbono (65) Crédito Rural (21) Créditos de Descarbonização (30) CRISPR-Cas9 (1) crop 21/22 (1) crop 22/23 (1) crops (1) Culinária (1) Cultivo (122) cultivo de grãos (3) cultura energética (1) Culturas Perenes. Agricultura (6) Curso (14) Dados (1) dairy products (2) Davos (4) decarbonization (2) decarbonization credits (3) defensivos (3) deforestation (14) demandaXoferta (2) Dendê (5) derivados do leite (1) Desafios (3) Descarbonização (30) descarbonization (7) desenvolvimento econômico (3) desenvolvimento rural (3) Desenvolvimento Sustentável (247) desert (1) Desmatamento (35) Diesel (27) Diesel Verde (24) digital agriculture (2) discovery (1) diseases (6) diversidade (2) Doenças Vegetais (7) domestic market (1) drones (5) droughts (6) eco-friendly (5) ecology (1) Economia (167) Economia Circular (18) Economia Internacional (154) Economia Sustentável (5) Economia Verde (185) Economy (52) ecossitemas (2) Ecosystem (9) Ecosystem services (4) Educação (1) education (1) Efeito estufa (25) Eficiência energética (56) egypt (1) eletric power (1) emater (3) Embrapa (74) Emissões de Carbono (74) Empreendedorismo (9) Empresas (170) Energia (108) energia eólica (1) energia limpa (26) Energia Renovável (277) Energia Solar Fotovoltaica (25) energy (3) energy crisis (3) energy security (5) energy transition (8) engenharia (2) entomologia (14) entomology (5) environment (39) environment issues (3) environment protection (9) environmental benefits (3) environmental conservation (10) environmental policies (17) enzimas (1) enzymes (1) erva-mate (1) ervas daninhas (1) ESG (32) espécies ameaçadas (1) espécies nativas (1) essential oils (1) estiagem (1) estresse hídrico (2) estresses abióticos (2) Estudo (5) Etanol (119) ethanol (17) etileno (1) EU (10) eucalipto (2) Europa (2) europe (7) event (11) Eventos (178) exploração de madeira (1) Exportações (132) exports (31) extensão (1) Extrativismo (65) factory (1) FAO (14) Farelos (53) farm (1) fatty acids (1) fauna (1) feijão (2) Fertilidade (18) fertility (3) fertilizantes (13) Fertilizers (28) Fibras (12) fibres (1) Finanças (5) Financiamento (2) fiscalização (2) fishing (1) fisiologia vegetal (1) fitopatologia (12) Fitossanidade (11) Fixação de Nitrogênio (2) flavored rice (1) flax (1) Floresta (58) Floresta plantada (123) floricultura (4) floriculture (2) Fomento (42) Food (47) food crisis (1) food production (4) food safety (6) food security (38) foreign market (2) forest (13) forest code (1) forest fires (7) forest management (4) forest products (1) forest restoration (2) forestry (1) Fosfato (3) fósforo (1) fossil fuels (5) fotossíntese (2) fruit growing (4) Fruticultura (66) Fuels (28) full color (1) functional redundancy (1) G7 (2) gabrage (1) Gamificação (1) Gás (4) Gás natural (2) Gasolina (4) Gastronomia (1) gdp (1) GEE (49) genetic engineering (27) genetic improvement (7) Genome (1) geração de emprego (1) Germany (4) girassol (2) Glicerina (2) Global warming (148) GM (1) governance (2) grain (11) grãos (2) grape (1) green ammonia (1) green cement (1) green chemistry (1) green consumerism (1) green diesel (1) Green Economy (134) green hydrogen (4) green steel (1) greenhouse gases (32) Guerra (3) Guerra RussiaxUcrânia (4) Harvest (4) health (27) herbicidas (2) híbridos (1) Hidrogênio Verde (7) História (1) horticultura (3) horticulture (2) hybrid (1) hydrogen (4) IBP (1) ICMS (1) ILPF (15) iluminação (1) impacto ambiental (2) import (5) importação (7) impostos (8) incêndios (1) incêndios florestais (5) Incentivos (4) India (8) indigenous knowledge (1) indigenous lands (3) indíos (1) Indonesia (5) indústria (2) Industry (2) Industry 4.0 (2) inflação (1) inflation (1) innovation (11) Ìnovaç (1) Inovação (221) insects (2) inseticidas (1) insetos (4) inspections (1) Instituição (1) Insumos (41) integrated pest management (9) integrated systems (3) inteligência artificial (4) international agreement (7) international economy (24) international trade (5) Investimento (13) Investimentos (3) IPC (1) IPCC (18) IPFL (1) Irrigação (5) irrigation (2) jabuticaba (1) JBS (1) kinetic energy (1) L72 (4) L73 (7) land use (5) LED's (1) Legislação (60) legislation (17) Leguminosas (3) leite (1) licenciamento ambiental (3) liga árabe (1) lignin (1) Lignina (9) livestock (18) livestock farming (1) logística (2) logistics (1) Low Impact Agriculture (2) Low-Carbon (64) Lubrificantes e Óleos (20) macarrão (1) Macaúba (612) machine learning (1) Madeira (28) Malaysia (1) Mamona (1) management (5) mandioca (2) manegement (2) Manejo (40) Manejo e Conservação (138) manejo integrado de pragas (10) manejo sustentável (1) manure (1) MAPA (71) Máquinas e equipamentos (4) marine ecosystems (1) Market (4) Mata Atlântica (12) matéria orgânica (1) Matéria Prima (5) Matéria-Prima (4) matéria-prima renovável (1) Matéria-PrimaResíduos (2) matérias-primas (4) MCTI (3) meat (5) medicinal cannabis (1) Medida Provisória (1) Meio Ambiente (433) Melhoramento e Diversidade Genética (114) Mercado (4150) mercado de carbono (7) Mercado de Combustíveis (92) Mercado de fertilizantes (1) Mercado Financeiro (13) Mercado florestal (78) mercado global (1) Mercado Internacional (94) metano (2) Metas (5) methane (7) Micotoxinas (1) microbiologia (2) microbiology (2) micromobility (1) micronutrient (1) Milho (65) Minas Gerais (1) Minas Gerias (1) Mineração (3) mineral nutrition (3) mining (3) ministério da economia (2) mirtilo (1) mites (1) MMA (5) MME (65) monitoramento (2) Morocco (2) Mudanças Climáticas (114) mudas (5) Mundo (203) Nações Unidas (4) NASA (1) national production (1) natural disasters (1) natural gas (2) nature (6) natureza (3) Negócios (13) nematoides (2) nergia limpa (1) net-zero (47) neutral carbon (1) Neutralidade Tributária (2) new species (1) new zealand (1) nitrogen (5) nitrogenand (1) nitrogênio (2) novos produtos (1) Nutrição animal (19) Nutrição Mineral (9) nutrição vegetal (1) nutrition (15) nutritional quality (2) ocean heat (1) oceans (1) OECD (6) OGM (1) Oil (54) Oil Food (1) Oleaginosas (143) óleo de palma (6) óleo de soja (9) Oleochemicals (11) Óleos (255) Óleos Essenciais (8) Óleos Vegetais (40) oliva (1) Olivicultura (1) OMC (4) ONGs (1) ONU (33) Oportunidade (9) Oportunidades (9) organic agriculture (2) organic food (1) other (1) otimização (1) oxidative stability (1) ozone layer (2) Palm (2) palm oil (6) Palma (36) palmeiras (9) pampa (1) pantanal (4) papel e celulose (1) PARAGUAY (1) Paris Agreement (100) partnership (1) pastagens (1) Pasture Management (1) Pasture Recovery (1) pecan (1) Pecuária (140) pecuária sustentável (1) Pegada de Carbono (108) Personal Care (3) Peru (1) Pesquisa (145) Pessoas (2) pesticides (8) pests (1) Petrobras (9) Petróleo (34) phosphates (4) phytoplankton (1) phytosanitary (4) PIB (16) pinhão-manso (2) pirólise (3) Piscicultura (1) pitaya (1) planejamento estratégico (1) Plano Safra (3) Plant Based (29) plant patology (1) plant production (9) Plant-Based (4) plantas daninhas (4) plantas de cobertura (1) plantio direto (2) pnpb (1) Política (102) Política Ambiental (46) política de preços de combustíveis (1) Políticas (1) políticas públicas (2) politics (5) pollination (1) polluting activities (1) pollution (4) pork (1) Portugal (1) pós-colheita (1) potássio (1) potassium (3) potato (2) poultry (1) pragas (15) Preços (85) Preservação Ambiental (77) prices (2) Produção Agrícola (59) Produção Animal (31) produção de alimentos (3) Produção Integrada (3) Produção Sustentável (82) Produção vegetal (51) production (1) productivity (17) Produtividade (155) Produtos (151) produtos florestais não madeireiros (2) Proteção Ambiental (21) proteção de nascentes (3) proteína animal (1) proteína vegetal (28) proteins (4) public health (9) Qualidade (14) qualidade da água (2) qualidade de vida (2) Qualidade do Ar (10) queimadas (1) química (1) químicos verdes (1) rapeseed (1) reciclagem (9) record (1) Recuperação Ambiental (8) Recuperação de área Degradada (55) Recuperação Econômica (3) Recycling (4) REDD+ (1) redução da poluição (3) Reflorestamento (37) reforestation (3) regulamentação (4) regulation (1) Relatório (17) renewable energy (47) renewable fuel (3) RenovaBio (100) renovaCalc (3) Report (2) research (5) Research and Development (26) Reservas Legais (3) Resíduos (29) resistence (3) Responsabilidade Social (1) rice (4) rotação de culturas (1) Russia (16) Rússia (1) Russia x Ukraine (31) Sabão (1) SAF (8) Safra (11) safra 21/22 (1) safra 22/23 (1) safrinha (1) Santa Catarina (1) Saúde e Bem-Estar (153) SBNs (1) science (4) science and technology (75) sea (1) sea levels (1) seaports (1) Sebo (6) seca (1) seeds (1) Segurança Alimentar (192) Segurança Energética (17) Selo Social (16) sementes (18) sequestro de carbono (5) serviços ambientais (1) sewage waste (1) silvicultura (4) Sistema Agroflorestal (47) Sistemas Integrados (38) social (1) social inequality (1) Sociobiodiersidade (9) Soil (11) soil biology (1) Soja (195) solar energy (1) solid waste (4) Solos (83) sorgo (1) south korea (1) southern Agricultural Council (1) soybean (11) soybean oil (2) soybeans (18) steam (1) storage (1) sugar (3) sugarcane (12) suinocultura (1) sunflower (7) sunflower oil (5) Sustainability (104) sustainable agriculture (2) Sustainable Development (14) Sustainable Energy (71) Sustentabilidade (766) swine (1) taxes (3) taxonomy (1) technology (13) Tecnologia (103) tecnologias digitais (3) Tempo (2) terras indígenas (2) Títulos verdes (3) transgenic (11) transgênicos (5) transição energética (11) Transportes (13) transports (9) trees (2) Trigo (9) tubers (1) Turismo Sustentável (7) turkey (1) ubrabio (5) Ucrânia (3) UK (1) Ukraine (9) Unica (1) Unidades de Conservação (4) urea (2) uruguay (1) USA (27) USDA (5) uso do solo (3) uva (1) vaccination (1) vaccine (1) vazio sanitário (1) vegetable nutrition (8) vegetable oils (9) versatilidade (1) Vídeo (281) vinhos (1) viruses (1) War (22) waste (1) water (2) webinar (1) wheat (17) wine (2) World (72) World Economy (87) WTO (1) ZARC (2) zero tariff (2) Zero-Carbon (3) zoneamento agrícola (5) zoneamento climático (2) zoneamento territorial (1) zootecnia (1)

Total de visualizações de página