Buscar

Mapa apresenta programa Bioeconomia Brasil no congresso da Iufro 2019

sexta-feira, outubro 04, 2019


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio da Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo (SAF), apresentou, na manhã de quarta-feira (2), o Programa Bioeconomia Brasil – Sociobiodiversidade para o público do 25º Congresso Mundial da União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal (Iufro, da sigla em inglês). Participantes de diversos países marcaram presença no “Espaço Brasil” para conhecer a iniciativa do governo federal, cujas ações visam fortalecer as cadeias produtivas que utilizam os recursos naturais de forma sustentável e consciente.

Durante a apresentação, o coordenador-geral de Extrativismo da SAF, Marco Aurélio Pavarino, explicou que o objetivo geral do programa é promover a estruturação de sistemas produtivos baseados no uso sustentável dos recursos da sociobiodiversidade e do extrativismo, assim como a produção e utilização de energia a partir de fontes renováveis. O coordenador também destacou que as florestas oferecem produtos diversificados e de alta qualidade, como frutos, fibras e plantas medicinais, que, quando valorados, podem levar benefícios à comunidade.

“O Programa está totalmente conectado com a bioeconomia da floresta. Os produtos florestais não madeireiros têm um potencial incrível de geração de renda, melhoria da qualidade de vida das populações rurais e, o mais importante, com sustentabilidade e manutenção dos recursos naturais. Neste congresso mundial reafirmamos as parcerias com o Serviço Florestal Brasileiro e a Companhia Nacional de Abastecimento, para a execução do nosso Programa”, destacou Pavarino.
Programa

Lançado em maio pelo Mapa, o Bioeconomia Brasil – Sociobiodiversidade busca promover a articulação de parcerias entre o poder público e o setor empresarial, para executar ações capazes de ampliar a participação dos pequenos agricultores, agricultores familiares, povos e comunidades tradicionais e seus empreendimentos nos arranjos produtivos e econômicos que envolvam o conceito da bioeconomia.

O programa é constituído por cinco eixos temáticos: Estruturação Produtiva das Cadeias do Extrativismo; Ervas Medicinais, Aromáticas, Condimentares, Azeites e Chás Especiais do Brasil; Roteiros da Sociobiodiversidade; Potencialidades da Agrobiodiversidade Brasileira; e Energias Renováveis para a Agricultura Familiar.

O Bioeconomia Brasil – Sociobiodiversidade é coordenado pela SAF, em articulação com as demais unidades do Mapa, e realizado com o apoio técnico e financeiro de organismos internacionais, fundos e bancos de desenvolvimento, instituições de pesquisa, entidades da sociedade civil, outros órgãos federais, entes federativos e setor empresarial.
Lançamento

Na sequência, dando continuidade à programação do “Espaço Brasil”, o presidente do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), Valdir Colatto, lançou a publicação Bioeconomia da Floresta – A conjuntura da Produção Florestal Não Madeireira do Brasil. O livro retrata a produção florestal não madeireira do país, incluindo a distribuição territorial dos diversos tipos de produtos: alimentícios, aromáticos, medicinais, corantes, borrachas, ceras, fibras, oleaginosos e tanantes.

Com o tema “Pesquisa Florestal e Cooperação para o Desenvolvimento Sustentável”, o Congresso Mundial da Iufro 2019 teve início no último domingo (29) e segue até sábado (5), em Curitiba, com debates sobre diversos aspectos ligados à pesquisa florestal. O Congresso é uma oportunidade para troca de experiências e conhecimento em inovações tecnológicas, bem como para atualização sobre os mais recentes resultados de pesquisa e as tendências para o futuro da pesquisa florestal e agroflorestal no mundo.

Informações à imprensa:Coordenação-geral de Comunicação Social
imprensa@agricultura.gov.br

Fonte: O Documento

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (3) Alimentos (219) animal nutition (1) Aspectos Gerais (175) Aviação (25) Aviation market (13) Biocombustíveis (169) Biodiesel (72) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (83) Biomass (7) Biomassa (49) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (2) Ciência e Tecnologia (174) Clima e ambiente (183) climate changed (21) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (14) Cosméticos (19) Crédito de Carbono (26) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (60) Economia Verde (156) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (5) Energia (28) Energia Renovável (150) event (6) Eventos (72) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (62) Food (40) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (78) Green Economy (112) health (21) Industry 4.0 (1) IPCC (13) livestock (4) Low-Carbon (39) Lubrificantes e Óleos (18) Macaúba (497) Manejo e Conservação (39) Meio Ambiente (81) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3835) Mercado florestal (43) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (42) Óleos (210) other (1) Paris Agreement (58) Pecuária (60) Pegada de Carbono (41) pirólise (1) Plant Based (6) Política (52) Produtos (140) proteína vegetal (21) Recuperação de área Degradada (23) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (74) science and technology (25) Segurança Alimentar (34) Soil (7) Solos (8) Sustainability (36) Sustainable Energy (52) Sustentabilidade (290) Vídeo (193) World Economy (64)

Total de visualizações de página