Buscar

Maior feira de bioenergia do país reúne soluções em 'carbono zero' e da indústria 4.0 em Sertãozinho

quarta-feira, agosto 21, 2019

Fenasucro & Agrocana — Foto: FENASUCRO/AGROCANA – Divulgação

Com presença do ministro do Meio Ambiente, Fenasucro abre edição 2019 com projeção de R$ 4,4 bilhões em negócios. Expectativa para o Renovabio movimenta inovações no setor sucroenergético.


Representantes de empresas, entidades e pesquisadores de 44 países estarão reunidos a partir desta terça-feira (20) em Sertãozinho (SP) na 27ª edição da Fenasucro & Agrocana.

Considerada uma das maiores do mundo em bioenergia, com foco em tecnologias sustentáveis, a feira espera movimentar R$ 4,4 bilhões em negócios e deve contar com a presença do ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles na cerimônia de abertura, às 13h.

Entre os mil expositores e as 117 palestras programadas até sexta-feira (23) em um dos maiores polos industriais e agrícolas da cana-de-açúcar no país, estarão em destaque soluções da indústria 4.0, baseadas em internet das coisas, Big Data e inteligência artificial, além de inovações em geração de energia sem emissão de carbono.

Segundo recente estudo da Sociedade Americana de Meteorologia, a emissão de gases do efeito estufa bateu recorde em 2018 e se mostrou 43% mais agressiva para o aquecimento global do que em 1990.

Como uma alternativa dentro desse contexto, a geração "carbono zero" é a pauta de iniciativas como o projeto Sucre - Sugarcane Renewable Electricity ou Eletricidade Renovável da Cana-de-Açúcar - que será apresentado na quarta-feira (21) durante a nona edição do Seminário de Bioeletricidade da feira.

Financiadas pelo Fundo Global para o Meio Ambiente em parceria com o Programa das Nações Unidas Para o Desenvolvimento (PNUD), as pesquisas do Laboratório Nacional de Biorrenováveis (LNBR), em Campinas (SP), buscam otimizar o uso da palha da cana na geração elétrica para reduzir o impacto na atmosfera.

"É isso que temos que fazer: além do açúcar, da produção de energia através da biomassa e do etanol, é fazer com que essa indústria de bioenergia ganhe atenção mundial nesse cenário que nós estamos vendo, de calotas polares descongelando, com a emissão de CO2 nos países da Europa. Esse setor entra como catalisador, um grande filtro mundial para que esse CO2 seja captado e transformado", afirma Paulo Montabone, gerente da Fenasucro.

Renovabio e investimentos

Um dos maiores focos da feira, a produção de energia limpa a partir da biomassa do bagaço e da palha da cana, além de restos de madeira, carvão vegetal, entre outras matérias, representa 9% da matriz energética brasileira, atrás das usinas hidrelétricas, termoelétricas e eólicas, segundo a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Única).

Ainda assim, somente em 2018 essa geração evitou a emissão de 6,4 milhões de CO2 na atmosfera.

A previsão de início do Programa Nacional dos Biocombustíveis (Renovabio) para 2020, com a liberação para que empresas emitam títulos de renda fixa para o financiamento de projetos sustentáveis, contribui para um crescimento esperado de 60% na produção de bioeletricidade até 2030.

Até 2028, o Ministério de Minas e Energia estabeleceu, com o uso de biocombustíveis, reduzir a emissão de carbono em 10%, o que equivale a 600 milhões de toneladas a menos na atmosfera e a R$ 23 bilhões em certificados de Crédito de Descarbonização (CBIO).

A importância estratégica de novos investimentos nas indústrias, como na produção de etanol, já amplia em 10% em relação a 2018 a expectativa de volume financeiro da Fenasucro.

"O setor sucroenergético, com a aprovação do Renovabio que entra em vigor em 1º de janeiro, tem que injetar no mercado R$ 30 bilhões em dez anos. Esse valor vai ser catalisado pelas indústrias fornecedoras de equipamentos, produtos e serviços para melhor eficiência das usinas que temos hoje na parte de cogeração de energia de etanol, proporcionando um retrofit [processo de modernização]", diz Montabone.

As mais de mil empresas da feira, incluindo representantes de 100% das usinas brasileiras, apresentarão a um público esperado de 40 mil visitantes em torno de 3 mil produtos voltados para indústrias de biocombustíveis, transporte, logística, papel e celulose, alimentos e bebidas.

Sistemas para controle biológico de pragas agrícolas, uma plataforma para busca e instalação de energia solar, drones no monitoramento da lavoura e gestão de dados de colheita estão entre as soluções oferecidas por startups no estande do Sebrae-SP.

Serviço

O que: Fenasucro & Agrocana 2019
Data: de 20 a 23 de agosto
Local: Centro de Eventos Zanini - Marginal João Olézio Marques, 3.563, Sertãozinho
Eventos de conteúdo: das 8h até 18h
Horário de exposição: das 13h às 20h
Site oficial: www.fenasucro.com.br

Fonte: G1

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (20) Alimentos (227) animal nutition (1) Aspectos Gerais (177) Aviação (27) Aviation market (13) Biocombustíveis (177) Biodiesel (76) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (88) Biomass (7) Biomassa (54) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (3) Ciência e Tecnologia (182) Clima e ambiente (190) climate changed (28) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (16) Cosméticos (20) Crédito de Carbono (30) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (62) Economia Verde (159) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (7) Energia (28) Energia Renovável (158) event (6) Eventos (79) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (64) Food (41) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (79) Green Economy (123) health (22) Industry 4.0 (1) IPCC (14) livestock (4) Low-Carbon (40) Lubrificantes e Óleos (20) Macaúba (515) Manejo e Conservação (44) Meio Ambiente (90) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3846) Mercado florestal (46) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (44) Oleochemicals (1) Óleos (213) other (1) Paris Agreement (64) Pecuária (62) Pegada de Carbono (42) pirólise (1) Plant Based (7) Política (55) Produtos (149) proteína vegetal (25) Recuperação de área Degradada (25) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (80) science and technology (26) Segurança Alimentar (37) Soil (7) Solos (8) Sustainability (39) Sustainable Energy (53) Sustentabilidade (305) Vídeo (193) World Economy (68)

Total de visualizações de página