Buscar

Suplementação nutricional injetável prepara melhor os bovinos para suportar o confinamento

sexta-feira, julho 12, 2019

Suplementação nutricional injetável prepara melhor os bovinos para suportar o confinamento

O confinamento de bovinos é uma realidade na pecuária brasileira. “Esta estratégia permite a engorda e a terminação de bovinos de maneira intensiva, contribuindo para maior produção de carne por hectare, acelera o fluxo de caixa da fazenda e alivia a lotação animal por unidade de área da fazenda em períodos críticos do ano para a produção de forragens de qualidade, sem a necessidade de venda de animais”, explica o médico veterinário Marcos Malacco, gerente técnico de pecuária de corte da Ceva Saúde Animal.

“Porém – explica o especialista –, devido às suas características, o confinamento envolve um manejo desafiador para os bovinos, a começar pelo fato de os animais trocarem o ambiente amplo e natural representado pelas pastagens por instalações menores, levando à convivência mais próxima entre eles. Além disso, muitas vezes são formados lotes com animais de diversas origens, o que provoca disputas para estabelecimento das hierarquias e ‘mistura’ de patógenos responsáveis por importantes enfermidades. E há, também, mudança no regime alimentar. Tudo isso contribui para elevado nível de estresse, especialmente na fase inicial do confinamento, que mais necessita receber atenção especial dos criadores”, explica o gerente técnico de pecuária de corte da Ceva.

Malacco sugere o fornecimento de suplementos nutricionais concentrados injetáveis para os bovinos no início do confinamento. “Com o correto e bem balanceado reforço nutricional aplicado por via injetável, os animais terão melhores condições para enfrentar os principais desafios do confinamento”, diz.

Suplementos nutricionais que forneçam aminoácidos, cálcio, fósforo e algumas vitaminas do complexo B, como colina e vitamina B12, podem proporcionar melhor performance dos bovinos em confinamento. “Estes suplementos com formulação mais completa e equilibrada, especialmente em relação à composição por aminoácidos, proporcionam aporte de proteínas para melhor desenvolvimento muscular e contribuem para o fortalecimento do sistema imunológico, auxiliando a proteção dos animais contra as enfermidades”, ressalta Marcos Malacco.

Além disso, a presença de colina na formulação auxilia o metabolismo hepático. Já a vitamina B12 proporciona condições para melhor oxigenação dos tecidos e possibilita melhoria do apetite. “Dessa forma, o tratamento com o adequado suplemento nutricional injetável no início do confinamento contribui para melhoria geral do processo, compensando enormemente o investimento do produtor”, ressalta o gerente técnico de pecuária de corte da Ceva.

O especialista recomenda o uso do suplemento concentrado Roboforte, potente ativador de metabolismo dos bovinos, que conta com 18 dos 20 aminoácidos necessários para o bom funcionamento do organismo dos animais. “Os aminoácidos são os pilares para a produção das proteínas. Dos 20 necessários, 10 são considerados essenciais, ou seja, o organismo não tem como produzi-los, e os outros 10 são chamados não essenciais pois o organismo pode sintetizá-los a partir de outros aminoácidos. O suplemento da Ceva fornece todos os 10 aminoácidos essenciais e oito não essenciais. Aqueles dois não essenciais não presentes na formulação são sintetizados no organismo dos animais a partir de outros dois aminoácidos presentes em Roboforte”, explica Malacco.

Entre outros componentes, Roboforte tem fósforo e cálcio biodisponíveis para o organismo, colina para o metabolismo geral e das gorduras e vitamina B12 para a formação das células vermelhas do sangue e melhoria do apetite. “É um suplemento de alto desempenho, que proporciona ótimo retorno sobre o investimento”, resume o gerente técnico de pecuária de corte da Ceva Saúde Animal.

Mais informações: www.ceva.com.br

Fonte: SEGS

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (3) Alimentos (219) animal nutition (1) Aspectos Gerais (175) Aviação (25) Aviation market (13) Biocombustíveis (169) Biodiesel (72) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (83) Biomass (7) Biomassa (49) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (2) Ciência e Tecnologia (174) Clima e ambiente (183) climate changed (21) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (14) Cosméticos (19) Crédito de Carbono (26) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (60) Economia Verde (156) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (5) Energia (28) Energia Renovável (150) event (6) Eventos (72) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (62) Food (40) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (78) Green Economy (112) health (21) Industry 4.0 (1) IPCC (13) livestock (4) Low-Carbon (39) Lubrificantes e Óleos (18) Macaúba (497) Manejo e Conservação (39) Meio Ambiente (81) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3835) Mercado florestal (43) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (42) Óleos (210) other (1) Paris Agreement (58) Pecuária (60) Pegada de Carbono (41) pirólise (1) Plant Based (6) Política (52) Produtos (140) proteína vegetal (21) Recuperação de área Degradada (23) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (74) science and technology (25) Segurança Alimentar (34) Soil (7) Solos (8) Sustainability (36) Sustainable Energy (52) Sustentabilidade (290) Vídeo (193) World Economy (64)

Total de visualizações de página