Buscar

Mercado da estética se destaca na economia brasileira

quarta-feira, junho 05, 2019

Mercado da estética

Empresas que trabalham com produtos e serviços de saúde e bem-estar desafiam a crise e apresentam expansão média de 10% ao ano

Mesmo com a economia do Brasil apresentando estagnação, como mostrou o PIB do primeiro trimestre ao registrar -0,2%, alguns setores estão despontando e revelam uma recuperação robusta. O mercado de produtos e serviços de saúde e bem-estar tem se mostrado promissor, por exemplo, e é um desses ramos que têm crescimento acima da média. A expectativa é positiva, o que mostra que o brasileiro está cada vez mais preocupado com a estética e beleza.

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), entre 2009 e 2016, o segmento recebeu cerca de 645 mil novos microempreendedores individuais (MEIs) e mais 26 mil micro e pequenas empresas. Nos últimos 20 anos, o crescimento médio do setor já deflacionado chegou a mais de 10% ao ano, segundo a Associação.

Outro setor que também está em crescimento é o da odontologia. De acordo com o Conselho Federal de Odontologia (CFO), o País está em quarto lugar no mundo em procedimentos odontológicos realizados por ano, movimentando cerca de R$ 38 bilhões.

De acordo com a analista do Sebrae, Romarcia Lima, o mercado da estética é um dos mais promissores no País, mas que precisa de investimentos e para se adaptar aos novos tempos. “É um mercado em ascensão e com necessidade de aperfeiçoamento, o que vem para somar. É uma oportunidade de negócio, mas desde que atenda com personalização, onde as pessoas da área buscam entender a real necessidade do cliente, e tentam ver a diferenciação do público”, disse. 

A analista conta ainda que o serviço tem que ser ligado à qualidade de vida para poder dar certo. “As pessoas querem se tratar para ficarem bem e bonitas. O setor tende a crescer, o consumidor tende a investir em qualidade de vida. E não é só pela estética e beleza, mas pela saúde e longevidade”, afirmou Romarcia Lima. 

Para a dentista e sócia proprietária da Blanc Odontologia, Katarina Chaves, a preocupação com a saúde dental fez com que investimentos fossem feitos para melhorar o atendimento. “O paciente sempre vai atrás da estética em busca de abrir portas na sua vida. As pessoas buscam muito por isso, e as soluções chegam até a serem imperceptíveis. Tivemos um investimento muito forte em scanner, em máquinas que fazem uma lente de contato, investindo na tecnologia para a coisa ficar mais previsível, mais precisa”, contou ela. 

Katarina destaca ainda que a atuação nesse ramo da estética é positiva e gera lucros. “Descobrimos outros mercados. Existe uma prática muito grande na estética, uma demanda grande. É lucrativa, ela exige um investimento constante, mas o retorno é algo certo porque existe a demanda”, afirmou Katarina. 

Outro ramo na estética e bem-estar que está crescendo é o das clínicas para procedimentos no corpo. Segundo a fisioterapeuta e proprietária da Anthesis Estética, Bruna Lopes, a atuação nessa área é feita por meio de protocolos específicos. “Eu vi nesse mercado a oportunidade de me destacar com trabalhos diferenciados. Sempre quis mudar a autoestima das pessoas e nesse serviço conseguimos fazer isso. A gente trabalha com o que o conselho permite, nos protocolos de redução de gordura, usando eletrolipólise, carboxterapia por meio de agulhas subcutâneas”, explicou. 

Bruna acrescenta ainda que esse ramo é interessante por conta da oportunidade das tecnologias à disposição. “O mercado da estética é um dos poucos que mantém constância. A gente sempre vê clínicas funcionando e desenvolvendo tecnologias o tempo todo, lançando novidades. Esse acompanhamento permite avançar no negócio. Só basta saber como trabalhar. É muito inovador”, afirmou.

Uma vertente do setor que vem tendo crescimento é a estética para homens. O proprietário da Trois Barbearia, Marcelo Wanderley Filho, buscou um empreendimento para valorizar o bem-estar deste consumidor. “Eu via que alguns clientes iam de quinze em quinze dias ao salão de beleza, e isso não era prazeroso. E o barbeiro antigamente tinha uma figura muito forte. Nós começamos com um espaço de apenas uma cadeira para o homem, que só representava 20% do negócio, mas foi crescendo. Hoje temos três unidades com 27 barbeiros”, contou. 

Marcelo conta ainda que atualmente são cerca de 4 mil clientes por mês nas três unidades. “O potencial do mercado é muito grande, mas o ramo masculino ainda é bem recente, e o nosso negócio é fruto desse crescimento. Buscamos investir em capacitações, melhoria das instalações, e na criação de ações para o homem, como o desenvolvimento de uma linha de estética para barba e cabelo”, disse.

Fonte: Folha Pernambuco

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (20) Alimentos (227) animal nutition (1) Aspectos Gerais (177) Aviação (27) Aviation market (13) Biocombustíveis (177) Biodiesel (76) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (88) Biomass (7) Biomassa (54) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (3) Ciência e Tecnologia (182) Clima e ambiente (190) climate changed (28) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (16) Cosméticos (20) Crédito de Carbono (30) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (62) Economia Verde (159) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (7) Energia (28) Energia Renovável (158) event (6) Eventos (79) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (64) Food (41) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (79) Green Economy (123) health (22) Industry 4.0 (1) IPCC (14) livestock (4) Low-Carbon (40) Lubrificantes e Óleos (20) Macaúba (515) Manejo e Conservação (44) Meio Ambiente (90) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3846) Mercado florestal (46) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (44) Oleochemicals (1) Óleos (213) other (1) Paris Agreement (64) Pecuária (62) Pegada de Carbono (42) pirólise (1) Plant Based (7) Política (55) Produtos (149) proteína vegetal (25) Recuperação de área Degradada (25) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (80) science and technology (26) Segurança Alimentar (37) Soil (7) Solos (8) Sustainability (39) Sustainable Energy (53) Sustentabilidade (305) Vídeo (193) World Economy (68)

Total de visualizações de página