Buscar

Educação ambiental é prioridade para o futuro, diz especialista

segunda-feira, junho 10, 2019

Resultado de imagem para Educação ambiental é prioridade para o futuro, diz especialista
O professor emérito de Direito da Universidade de Limoges, na França, Michel Prieur, destaca a conscientização ambiental
Durante a Semana do Meio Ambiente da Universidade de Fortaleza (Unifor), o Professor Doutor Michel Prieur ministra palestra sobre Direito ambiental e defende a necessidade de se trabalhar a consciência coletiva

Dentro e fora do Brasil, a educação ambiental é a prioridade a ser enfatizada, em especial, no Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado ontem (5). A afirmativa parte de Michel Prieur, professor emérito de Direito da Universidade de Limoges, na França. Ele foi um dos palestrantes convidados para a Semana do Meio Ambiente na Universidade de Fortaleza (Unifor).

Durante a palestra "Vedação do retrocesso ambiental: Construção de parâmetros para a sustentabilidade de acordo com a ODS para 2030", promovida na quarta-feira (5) pelo Programa de Pesquisa e Pós-graduação em Direito (PPGD-Unifor), Prieur reforçou a necessidade de educar igualmente crianças e adultos em relação às causas ambientais.

"Também é necessária uma educação especial para políticos, para que as pessoas que se apresentem em eleições compreendam a importância do assunto. Como são eles que decidem as leis, é necessário que sejam bem-informados sobre o ambiente. Essa deveria ser uma condição para ser candidato às eleições", reforçou.

Para o especialista, o principal parâmetro em prol da sustentabilidade - como proposto pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Assembleia Geral das Nações Unidas -, é a consciência ambiental, além da utilização de artifícios jurídicos.

"É preciso criar indicadores jurídicos, econômicos e científicos para mensurar a efetividade das aplicações da lei em prol do desenvolvimento sustentável", ressalta.

Consciência

No Brasil, segundo Prieur, o principal desafio para os avanços na preservação ambiental é a consciência coletiva, com "muito trabalho a ser feito" na educação, em todos os níveis de ensino.

No decorrer do evento que acontece até a sexta-feira (7), os assuntos abordados terão foco na reafirmação dos valores do Direito Ambiental, da sustentabilidade e dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, de acordo com a coordenadora de mestrado e doutorado em Direito da Unifor, Gina Marcílio Pompeu.

"Existem razões políticas e jurídicas que querem flexibilizar, de alguma maneira, tudo aquilo que já foi conquistado na seara do Direito Ambiental", observa.

"A Constituição de 1988 é firme na posição de garantir um Direito Ambiental equilibrado, um meio ambiente equilibrado, para as gerações futuras", enfatiza. Segundo ela, a Constituição foi um marco na construção da área ambiental do Direito.

A coordenadora destaca que o ser humano é capaz de conviver com um ambiente equilibrado, sendo possível conciliar lucro, pessoas e o planeta. "Não é viável retroceder e danificar o meio ambiente em razão do lucro", afirma Gina Pompeu.

Objetivos

A Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) é um plano de ação para as pessoas, o planeta e a prosperidade, que busca fortalecer a paz universal.

Dentre os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda, nove deles são atendidos pela Universidade de Fortaleza: fome zero e agricultura sustentável; saúde e bem-estar; água potável e saneamento; energia limpa e acessível; cidades e comunidades sustentáveis; consumo e produção responsáveis; ação contra a mudança global do clima; vida na água; e vida terrestre.

Fonte: Diário do Nordeste

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Categorias

Acrocomia aculeata (20) Alimentos (227) animal nutition (1) Aspectos Gerais (177) Aviação (27) Aviation market (13) Biocombustíveis (177) Biodiesel (76) Bioeconomia (15) Bioeletricidade (2) Biofertilizantes (1) Biofuels (88) Biomass (7) Biomassa (54) Biopolímeros (3) Bioquerosene (18) Biotechnology (21) Biotecnologia (2) Brazil (20) Cerrado (3) Ciência e Tecnologia (182) Clima e ambiente (190) climate changed (28) Cogeração de energia (9) COP24 (76) COP25 (16) Cosméticos (20) Crédito de Carbono (30) Cultivo (96) eco-friendly (2) Economia Internacional (62) Economia Verde (159) Economy (25) Ecosystem (1) Efeito estufa (7) Energia (28) Energia Renovável (158) event (6) Eventos (79) Extrativismo (20) Farelos (27) farm (1) Fibras (8) Floresta plantada (64) Food (41) food security (1) forest (1) Fuels (16) Global warming (79) Green Economy (123) health (22) Industry 4.0 (1) IPCC (14) livestock (4) Low-Carbon (40) Lubrificantes e Óleos (20) Macaúba (515) Manejo e Conservação (44) Meio Ambiente (90) Melhoramento e Diversidade Genética (52) Mercado (3846) Mercado florestal (46) Nutrição animal (15) nutrition (9) Oil (44) Oleochemicals (1) Óleos (213) other (1) Paris Agreement (64) Pecuária (62) Pegada de Carbono (42) pirólise (1) Plant Based (7) Política (55) Produtos (149) proteína vegetal (25) Recuperação de área Degradada (25) renewable energy (10) Research and Development (7) SAF (1) Saúde e Bem-Estar (80) science and technology (26) Segurança Alimentar (37) Soil (7) Solos (8) Sustainability (39) Sustainable Energy (53) Sustentabilidade (305) Vídeo (193) World Economy (68)

Total de visualizações de página