Buscar

Diversidade genética de populações de Acrocomia aculeata (Jacq.) Lodd. (Arecaceae) no norte do estado de minas gerais

quarta-feira, junho 12, 2019

Resultado de imagem para bocaiuva

Autores: Dario Alves Oliveira; Afrânio Farias Melo Júnior; Gabriela Medeiros

Resumo: Termos para indexação: Macaúba, diversidade genética, Norte de Minas Gerais Introdução A extração de recursos madeireiros e substituição da cobertura florestal para crescimento das fronteiras agrícolas e pecuárias é um cenário notório na paisagem norte mineira. Nestes locais é comum a ocorrência da espécie Acrocomia aculeata (Jacq.) Lodd., da família Arecaceae, conhecida popularmente como macaúba, macaibeira e bocaiúva (Novaes, 1952). Trata-se de uma palmeira arbórea, podendo ter mais de 15m de altura, de ampla distribuição geográfica (Scariot et al., 1995). Em Minas Gerais observa-se grande ocorrência de populações de macaúba, apontadas como promissoras economicamente, em áreas de pastagem. 

Segundo Lorenzi (1998) a espécie A. aculeata tem características pioneiras, apresenta maior dispersão em formações secundárias, sendo ela facilitada pela grande produção de frutos que são consumidos pela fauna. Os frutos desta palmeira apresentam grande potencial para produção de óleo, com aplicação nos setores industriais e energéticos (Rolim, 1981). A produção de óleo vegetal pode chegar a quatro mil litros por hectare por ano, podendo aumentar com adoção de medidas de plantio racional e de programas de melhoramento genético desta espécie (Nucci, 2007). A utilização do óleo de macaúba na produção de biodiesel pode ajudar na melhoria das condições sócio-econômicas em regiões críticas do país. Em áreas do cerrado, a macaúba possui grande importância econômica e apresenta grande utilidade ornamental, alimentar, medicinal e industrial (Almeida et al., 1998). 

Estudos sobre a variabilidade genética de A. aculeata são escassos, portanto, conhecer a diversidade genética natural da espécie é um passo importante para conservação genética e futuros trabalhos de melhoramento com vista à melhor produção comercial. Sendo assim, este trabalho objetivou caracterizar a diversidade genética de cinco populações naturais de macaúba no norte de Minas Gerais, por meio de marcadores RAPD.

Para ter acesso ao artigo completo, clique aqui.

Fonte: Research Gate

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Total de visualizações de página