Buscar

Pulverização contra zika está matando abelhas

sexta-feira, novembro 23, 2018


Resultado de imagem para abelhas

"Uma colônia inesperadamente exposta à pulverização de pesticidas contra mosquitos seria eliminada"

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Exeter e pela Universidade da Califórnia em Berkeley indicou que as abelhas dos Estados Unidos estão morrendo mais em áreas onde existe maior predominância de casos de Zika Vírus. Isso porque a pulverização que mata o mosquito transmissor da doença acaba matando as abelhas também. 
De acordo com Lewis Bartlett, do Centro de Ecologia e Conservação do campus de Penryn, da Universidade de Exeter, ao o comparar os dados sobre densidade de abelhas com áreas de risco de zika, os pesquisadores calcularam a porcentagem de colônias que poderiam ser afetadas. O maior problema, para ele, é que a maioria das colônias é mantida por apicultores, que desempenham um papel fundamental na agricultura, ajudando a polinizar os cultivos. 
"Uma colônia inesperadamente exposta à pulverização de pesticidas contra mosquitos seria eliminada. Os apicultores nos Estados Unidos movem suas colônias para apoiar os agricultores, por isso um apicultor com todas as suas abelhas em uma área de cada vez pode perder todas elas”, comenta. 
Alguns estados, como a Flórida, têm programas e sistemas de controle de mosquitos bem estabelecidos para limitar os efeitos em alvos não intencionais, como as abelhas. Mas os pesquisadores alertam que outros estados estão menos preparados para organizar medidas como alertar os apicultores antes da pulverização. 
"No início desta investigação, conversamos com um apicultor que ficou surpreso e perdeu todas as suas abelhas. A apicultura é um modo de vida muito tradicional nos EUA. Com muito orgulho para as famílias que fizeram isso por gerações, mas muitos estão lutando agora”,conclui.
Fonte: AgroLink

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário! Volte sempre :)

Total de visualizações de página