Buscar

Balança comercial tem superávit de US$ 873 milhões na segunda semana de agosto

quinta-feira, agosto 17, 2017

Resultado de imagem para Balança comercial tem superávit de US$ 873 milhões na segunda semana de agosto
No ano, as exportações totalizam US$ 133,408 bilhões e as importações, US$ 89,678 bilhões, com saldo positivo de US$ 43,730 bilhões. Na segunda semana de agosto, a balança comercial registrou superávit de US$ 873 milhões, resultado de exportações de US$ 3,913 bilhões e importações de US$ 3,040 bilhões. No mês, as exportações somam US$ 6,9 …
No ano, as exportações totalizam US$ 133,408 bilhões e as importações, US$ 89,678 bilhões, com saldo positivo de US$ 43,730 bilhões.
Na segunda semana de agosto, a balança comercial registrou superávit de US$ 873 milhões, resultado de exportações de US$ 3,913 bilhões e importações de US$ 3,040 bilhões. No mês, as exportações somam US$ 6,9 bilhões e as importações, US$ 5,7 bilhões, com saldo positivo de US$ 1,219 bilhão.
Acesse os dados completos da balança comercial
A média das exportações da segunda semana chegou a US$ 782,7 milhões, 3,6% acima da média da primeira semana, em razão do aumento nas exportações de produtos básicos e manufaturados. A alta foi puxada pela venda de soja em grãos, petróleo em bruto, fumo e carne bovina, entre outros. Também houve crescimento no mercado de automóveis de passageiros, tubos flexíveis de ferro e aço e veículos de carga. Por outro lado, houve pequena queda, de 6,4%, no comércio de produtos semimanufaturados, provocada pela celulose, açúcar em bruto e madeira em estilhas.

Nas importações, a semana teve retração de 9,1%, sobre igual período comparativo (média da 2ª semana sobre a média da 1ª semana), explicada, principalmente, pela diminuição nos gastos com farmacêuticos, combustíveis e lubrificantes, adubos e fertilizantes, instrumentos de ótica e precisão, equipamentos eletroeletrônicos.
Mês
Nas exportações, se comparadas as médias até a segunda semana de agosto deste ano, com a do o mesmo período de 2016, houve crescimento de 4,4%, em razão do aumento nas vendas de básicos e semimanufaturados. Nas importações, a média diária até segunda semana ficou 13,7% acima da média de agosto de 2016. Nesse comparativo, cresceram os gastos, principalmente, com adubos e fertilizantes, siderúrgicos, combustíveis e lubrificantes, entre outros.  No ano, as exportações totalizam US$ 133,408 bilhões e as importações, US$ 89,678 bilhões, com saldo positivo de US$ 43,730 bilhões.

Fonte: MDIC
 
Curta nossa página no Facebook!

Veja também:

0 comentários

Agradecemos seu comentário!

Categorias

Total de visualizações de página